Projeto Político Pedagógico

A partir de fundamentos teóricos de mecânica e eletrotécnica, propõe-se desenvolver no educando habilidades de raciocínio lógico e sistêmico para elaboração, interpretação e construção física de circuitos pneumáticos e eletropneumáticos. Assim, o egresso deste curso é o profissional capaz de, dentro de sua área de formação, realizar o projeto e o levantamento das diretrizes operacionais de um sistema de automação industrial simples que contém dispositivos e ferramentas acionadas por ar comprimido.

Atualmente a utilização de sistemas automatizados que utilizam dispositivos e ferramentas acionadas por ar comprimido está amplamente disseminada nas áreas industriais e comerciais, podendo atender:

- Indústrias com linhas de produção automatizadas, químicas, petroquímicas, de exploração e produção de petróleo, aeroespacial, automobilística, metalomecânica e plástico.

- Empresas de manutenção e reparos.

- Empresas integradoras de sistemas de automação industrial. Fabricantes de máquinas, componentes e equipamentos robotizados.

- Grupos de pesquisa que desenvolvam projetos na área de sistemas elétricos.

- Laboratórios de controle de qualidade.

Ao final da Formação Continuada em Circuitos pneumáticos e eletropneumáticos - Básico objetiva-se que o egresso tenha desenvolvido as seguintes competências:
- Reconhecer e aplicar os elementos e funções básicas em projetos de circuitos pneumáticos e eletropneumáticos;
- Propor, planejar e executar a programação de equipamentos automatizados simples que contenham ferramentas e dispositivos acionadas por ar comprimido;
- Projetar ferramentas que utilizem sequências diretas em seu projeto;
- Diagnosticar e corrigir falhas existentes em um sistema pneumático ou eletropneumático;
- Saber utilizar corretamente todas as funções de um simulador.

Como estratégia de ensino pretende-se promover autonomia discente na condução dos estudos, sendo disponibilizado um roteiro no qual poderá se orientar e acessar os tópicos na sequência correta, visualizar o cronograma de todas atividades do curso e também o plano de ensino.

O curso será ofertado na modalidade EAD, sendo composto por uma única unidade curricular, com os tópicos devidamente organizados. Por intermédio do Ambiente Virtual de Ensino e Aprendizagem (AVEA) os alunos terão oportunidade de manterem comunicação síncrona e assíncrona com outros discentes e os professores, possibilitando o relacionamento interpessoal e trabalho em equipe, mesmo que a distância. Os encontros síncronos serão semanais em horários pré-definidos com a turma e utilizará as ferramentas e meio didáticos de aprendizagem e interações virtuais.

As ferramentas e meio didáticos de aprendizagem e interações virtuais (conforme apresentado no item 26.3) incluem mídias audiovisuais, questionários, simuladores computacionais e fórum de dúvidas, que corroborarão para a eficácia da assimilação dos conteúdos explorados durante todo o curso.

Por se tratar de um Curso de Formação Continuada, não é abrangido pela Resolução CEPE/IFSC Nº 72 de 22 de outubro de 2020, que “estabelece diretrizes para a oferta de cursos e componentes curriculares na modalidade a distância na Educação Profissional e Tecnológica de Nível Médio, de Graduação e Pós-Graduação, no âmbito do IFSC”. Nesse sentido, não há a necessidade de momentos presenciais. Destaca-se que a Resolução CEPE/IFSC N.º 19, de 12 de março de 2020, que "aprova no CEPE a criação do Regulamento de Ingresso dos Cursos do Instituto Federal de Santa Catarina e encaminha ao Conselho Superior para apreciação" prevê em seu Artigo 12, parágrafo 4º, que "para os cursos FIC na modalidade EaD, sem encontros presenciais, a manifestação de interesse será por meio eletrônico e obedecerá a ordem cronológica de envio da documentação pelo formulário eletrônico, gerenciado pelo campus/Cerfead ofertante". Diante do exposto, a instituição reconhece a oferta de cursos FIC totalmente virtuais.

Chefe DEPE:

Edson Sidnei Maciel Teixeira

E-mail: ensino.gw@ifsc.edu.br

Telefone: (47) 3276.9615

 

Nome do(s) responsável(is) pelo PPC e contatos:

Luiz Fernando Henning

E-mail: luizh@ifsc.edu.br

Telefone: (47) 3276.9600

A avaliação dos estudantes será realizada como parte integrante do processo educativo e acontecerá ao longo do curso de modo a permitir reflexão-ação-reflexão da aprendizagem e do desenvolvimento de competências, resgatando suas dimensões diagnóstica, formativa, processual e somativa.

As avaliações ocorrerão ao longo de todo o curso e serão realizadas no Ambiente Virtual de Ensino e Aprendizagem (AVEA). Serão pelo menos duas atividades avaliativas durante o curso. Todas as avaliações serão corrigidas.

Os instrumentos de avaliação serão diversificados com o objetivo de estimular o estudante à: pesquisa, extensão, reflexão, iniciativa, criatividade, laboralidade e cidadania. Poderão ser utilizados os seguintes instrumentos de avaliação: fóruns, questões de autoresposta, pesquisas, jogos, avaliação por pares, estudos de caso e desenvolvimento de projetos.

De acordo com o Art. 41, do Regimento Didático Pedagógico do IFSC, o resultado final da avaliação será registrado por valores inteiros de 0 (zero) a 10 (dez), sendo 6 (seis) o resultado mínimo para aprovação. A Nota Final será a média das notas das atividades avaliativas, levando em consideração o peso de cada uma delas.

Não haverá controle de frequência, visto o curso ser totalmente na modalidade EaD.

Caso o discente não atinja a média 6,0 necessária para a aprovação no curso, a recuperação de estudos, a que todos os discentes têm direito, compreenderá a realização de novas atividades pedagógicas no decorrer do período letivo, cujo resultado será registrado pelo professor, prevalecendo o maior valor entre o obtido na avaliação realizada antes da recuperação e o obtido na avaliação de recuperação.

Baixar Arquivo
SIGAA | DTIC - Diretoria de Tecnologia da Informação e Comunicação - (48) 3877-9000 | © IFSC | appdocker4-srv1.appdocker4-inst102/10/2022 19:34